Agência Sorocaba de Notícias

SECOM

Parque Tecnológico dá sequência ao Coworking Universidades pela internet

9 de junho de 2020 15:59

Por: Marcelo Macaus - PTS


A pandemia de coronavírus (Covid-19) obrigou o PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba) a interromper uma série de atividades. No entanto, o surto da doença não prejudicou o projeto Coworking Universidades, que visa integrar os alunos dos mais variados cursos de tecnologia das faculdades locais, proporcionando treinamento intensivo em diferentes áreas.

Até o início de março, a terceira edição do programa, que começou no fim do ano passado, foi realizada de forma presencial com 40 estudantes. Assim que o isolamento social foi decretado, todos passaram a acompanhar as mentorias e os treinamentos pela internet.

O consultor do Coworking Universidades, o professor Renato Luiz Cardoso, garante que, mesmo realizado à distância, o programa não vem sendo comprometido. Prova disso é que os participantes seguem desenvolvendo soluções que, no futuro, vão colaborar com a Prefeitura de Sorocaba e facilitar a vida do cidadão.

Entre os projetos em andamento está o Controle de Estoque com RFID, que utiliza etiquetas de rádio frequência para identificar as entradas e as saídas de materiais. Também cria contratos, realiza locações, devoluções e gera relatórios.

Durante o Coworking Universidades, os estudantes recebem treinamento intensivo em liderança, oratória, inglês, programação e desenvolvimento de software, comunicação empresarial, oral e escrita, trabalho em equipe, gestão de projetos e foco na carreira profissional.

Nesta terceira edição, que está prevista para terminar em julho, os participantes são das faculdades Anhanguera, Esamc, Facens, Fatec, Unip e Uniso. “Nosso propósito é oferecer formação profissional com competências para encarar o mercado de trabalho e entregar produtos que beneficiem e colaborem com o bom funcionamento dos órgãos públicos, por meio da inovação e da tecnologia”, explica o diretor executivo do Parque Tecnológico, Flávio Guerhardt.

Ainda conforme ele, o Coworking Universidades é o passaporte ao primeiro emprego e ao crescimento profissional. “Este projeto tem grande importância na formação dos alunos que, durante o processo de construção de um produto, aprendem as técnicas e as práticas necessárias para alinhar o trabalho em equipe, bem como compreendem como funcionam os objetivos estratégicos de uma organização.”

O professor Renato Luiz acrescenta que o programa é uma atividade extracurricular e externa que ajuda a melhorar as relações de trabalho e permite que o participante conheça e entenda os colegas de trabalho, aprendendo coisas novas e compartilhando conhecimentos.

*Fotos tiradas antes da pandemia, ou seja, quando as atividades ainda eram presenciais


Saiba mais