Agência Sorocaba de Notícias

SECOM

Secid leva festa a casas de idosos para celebrar a alegria da vida

8 de julho de 2020 18:02

Por: Tânia Franco - tmferreira@sorocaba.sp.gov.br


Sem condições de promover a tradicional Festa Junina do Clube, a Secretaria da Cidadania pôs a festança na kombi e foi até os idosos

Conhecidos do grupo que frequenta o Clube do Idoso de Sorocaba “Carlos Alberto Moura Pereira da Silva” como um dos casais mais festeiros e entusiasmados da turma da terceira idade, dona Terezinha Nagamine e ‘seo’ Sebastião Messias não negaram a fama, na manhã desta quarta-feira (08), quando receberam em sua porta a visita da Kombi da 1ª Festa Julina Itinerante, da Divisão de Apoio Operacional, da Secretaria da Cidadania (Secid).

A caráter, o casal recebeu a pequena comitiva que foi levar a eles música, dança e alegria em celebração às festas desta época do ano, cheios de energia e descontração. Sem descuidar das normas de proteção contra a Covid-19, os namorados saíram à calçada e dançaram em roda numa referência à típica celebração interiorana que nasceu das tradições religiosas e lembram, em datas especificas do mês de junho, alguns santos católicos.

Terezinha e Sebastião são parte da turma que há muitos anos celebra esse período, assim como outros do ano, em reuniões e festas no Clube e na Chácara do Idoso, pertencentes à Prefeitura de Sorocaba. Por conta do momento epidêmico, porém, toda a programação foi cancelada.

“Mas não podíamos deixar de levar até eles um pouco dessa alegria, desse contato que mantínhamos frequentemente e que é fundamental para os idosos”, contou a mentora e organizadora da Festa Itinerante, Christina Palau. Em companhia da técnica de recreação e lazer, Mariana Borges Filho, ela pensou o evento, organizou o roteiro e conseguiu doações que possibilitaram, ainda, entregar um chapéu com guloseimas a cada visitado.

Segundo Christina, a última festa junina promovida no Clube, ano passado, reuniu cerca de 200 dos cerca de 300 inscritos na unidade. Em sua maioria, são idosos que vivem sozinhos, afastados de seus familiares e para quem uma visita, uma demonstração de atenção é fundamental.

Que o digam Terezinha e Sebastião que não esconderam sua satisfação. “Eu adoro dançar, adoro participar das atividades e isso aqui traz uma enorme alegria. Espero que logo a gente possa voltar a ficar juntos, porque eu não sou nem um pouco de ficar enfiada em casa”, lamentou ao mesmo tempo em que se mostrou compreensiva quanto à necessidade  do isolamento social.

Visita surpresa

Enquanto, à distância, se confraternizavam com a equipe festeira, o casal percebeu a presença da prefeita Jaqueline Coutinho no local. Receptivos, contaram a ela um pouco de sua história e a chamaram para também dançar uma roda ‘julina’. Jaqueline foi avisada do evento pelo titular da Cidadania, Paulo Soranz, que a convidou a conhecer o projeto desenvolvido por sua funcionária. “Eu não poderia deixar de vir presenciar essa festinha. É uma delicadeza, uma atenção que não tem preço. Essas pessoas, muito mais do que os mais jovens, estão sofrendo com o isolamento social e pensar algo para os idosos é pensar na saúde deles, física e mental”, disse a prefeita.

Uma preocupação manifestada, também, pelo secretário Soranz, já que as unidades de acolhimento e atenção estão fechadas, ou em uso para outras finalidades, como é o Clube do Idoso que abriga Pessoas em Situação de Rua (PSR) por conta da pandemia do novo coronavírus. “Estamos sempre atentos, pensando e, na medida do possível, agindo para atender aqueles que precisam de nós. Esta iniciativa vem ao encontro de um olhar cuidador, generoso e humano para com nossos idosos”, acentuou.

Na contrapartida, a prefeita Jaqueline pediu para que mais ações dessa natureza, dentro das condições e possibilidades da pasta possam ser desenvolvidas. “Precisamos levar mais alegria às pessoas. Tenho a compreensão das dificuldades, dos problemas pelos quais todos passamos, mas acredito que com pequenas atitudes e disponibilidade, podemos lançar um pouco mais de positividade e esperança à vida dos nossos cidadãos”, completou.

A 1ª Festa Julina Itinerante passou por casas nos bairros Nova Esperança; Vila Flora; Wanel Ville; Vila Hortência; Barcelona; Parada do Alto, Itavuvu e a Vila Dignidade, onde 21 idosos festaram com grande alegria.

Ao final da jornada de visitação e festa para os idosos, Christina Palau se manifestou: “Se existe uma palavra para descrever nossa festa é ‘maravilhosa’. Todos os idosos nos lançaram palavras e gestos de agradecimento na forma até mais generosa e caprichosa oferta de gostosos bolos e suco, claramente demonstrando que a gratidão tem um sabor especial, quando a verdade da atitude está alicerçada na empatia, no afeto”.


Saiba mais

Fotos

1 de outubro de 2020 12:11

22 de setembro de 2020 17:22

21 de setembro de 2020 12:02