Agência Sorocaba de Notícias

SECOM

CRAS João Romão faz concurso virtual de desenho sobre pós-pandemia

7 de agosto de 2020 15:04

Por: SECOM/SECID


Para que as crianças do bairro João Romão e adjacências não perdessem o contato e o vínculo com o CRAS (Centro de Referência de Assistência Social), a coordenação do espaço teve a ideia de promover um concurso cultural com o tema “a vida pós-pandemia”.

Com duas categorias, de 4 a 8 anos e de 9 a 12, a ação teve a adesão de 25 meninos e meninas que participaram enviando fotos de seus desenhos pelo WhatsApp. “O nosso território é muito grande e tem muitas crianças. Entendemos as dificuldades das famílias em manter as crianças em casa e, por isso, idealizamos esse concurso cultural onde as crianças puderam se expressar através de desenhos”, contou a coordenador do CRAS João Romão, Valquíria Mara Silva Ferreira.

Segundo ela, os CRAS locais, assim como vários outros setores públicos,  estão se reinventando diante das consequências da pandemia do coronavírus. Daí a ideia de o concurso de desenhos ir para além do entretenimento, permitindo com que as crianças se expressem, mostrando aquilo que esperam e planejam para o futuro pós-pandemia, colocando seu olhar otimista.

“É incrível como esses servidores se reinventam, passando por cima das adversidades para fazer a diferença na vida da comunidade. Fico muito feliz com essas iniciativas”, comentou o  secretário da Cidadania, Paulo Henrique Soranz, num elogio à equipe do CRAS João Romão.

Na primeira categoria do concurso foram escolhidas quatro crianças, enquanto que na segunda foram seis. Todas receberão um brinde que será entregue ao responsável respeitando às recomendações da OMS – Organização Mundial da Saúde). Além disso, os pequenos receberão um certificado digital de participação.

 

Os participantes:

De 4 a 8 anos

 

Agatha Nogueira – 5 anos

Alice Rosado – 5 anos – Após a pandemia quer ir ao cinema com pipoca

Isadora Sofia – 5 anos – Voltar a brincar na sua

João Gabriel Pereira – 7 anos – Voltar a frequentar a igreja.

 

De 9 a 12 anos

 

Bianca Nycolle – 12 anos – Sonha em trabalhar no exército.

João Vitor – 10 anos – Reencontrar os amigos.

Maria Eduarda – 10 anos – Voltar à escola.

Sthefany Freitas – 9 anos – Fim do isolamento social

Josué Heraldo – 10 anos – Poder passear.

Noemy Maiara – 11 anos – Reencontrar as amigas

 

 


Saiba mais