Agência Sorocaba de Notícias

SECOM

Metareciclagem destina mais de 1 ton. de eletrônicos à Coopereso

18 de junho de 2020 11:22

Por: Secom / Sedettur



O Projeto Metareciclagem, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo (Sedettur), da Prefeitura de Sorocaba, destinou esta semana mais de uma tonelada de materiais eletrônicos e de informática para a Cooperativa de Trabalho Social de Egressos e Familiares de Egressos de Sorocaba e Região (Coopereso). A entidade faz a triagem e comercialização desse material como sucata, gerando renda para os cooperados e, principalmente, evitando que ele seja descartado de forma inadequada, com risco de contaminação do meio ambiente e de se transformar, por exemplo, em criadouros do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, zika e chicungunha.

Todo o material encaminhado à Coopereso para reciclagem estava armazenado provisoriamente na sede do Metareciclagem, que funciona na Avenida Nove de Julho, 1066, no Jardim Zulmira. O local, que funciona como um telecentro para a comunidade, também é um posto de coleta de equipamentos eletrônicos e de informática em desuso, disponibilizado pela Prefeitura de Sorocaba para a população em geral. Nádia da Costa Teixeira, coordenadora do Projeto Metareciclagem da Sedettur explica que o local funciona de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 13h30 (por conta da pandemia do novo coronavírus) e que as pessoas que queiram destinar equipamentos eletrônicos que estejam em desuso para reciclagem podem levá-los diretamente até o local ou fazer contato pelo telefone 3417-3825 ou no e-mail: meta.recicla@gmail.com.

A carga de materiais destinada esta semana à Coopereso para reciclagem somou exatamente 1.041 quilos. Além de monitores, mouses, teclados, CPUs e cabos, o lote continha outros aparelhos eletrônicos como TVs de tubo, rádios, luminárias, entre outros itens. Tudo foi encaminhado para o barracão da Cooperativa localizado no Jardim Iguatemi para que seja separado e comercializado no mercado de sucatas.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo, Fernando Oliveira, lembra que os materiais de informática que chegam à sede do Metareciclagem são testados e, quando em condições de serem reaproveitados, compõem kits completos (CPU, monitor, teclado, cabos e mouse) que são destinados para o Fundo Social de Solidariedade para doação para entidades assistenciais do município. “O Metareciclagem cumpre funções sociais e ambientais. Viabilizamos conjuntos de informática para doação, criamos a possibilidade de geração de renda pela Cooperativa e evitamos que esses materiais sejam descartados de forma inadequada no meio ambiente”, frisa o titular da Sedettur.


Saiba mais