Agência Sorocaba de Notícias

SECOM

Mutirão da Prefeitura entrega mais de 2.300 cestas básicas

1 de junho de 2020 17:27

Por: SECOM/SECID


Foto: Adriana Massa / Divulgação – Urbes

Desde o início da pandemia já foram entregues mais de 24 mil cestas básicas como  apoio voluntário de servidores das pastas municipais, além de representantes de igrejas e outras instituições.

O segundo mutirão realizado pela Prefeitura de Sorocaba para entrega de cestas básicas às famílias necessitadas da cidade, nesta segunda-feira (1),  atingiu seu objetivo de dinamizar o processo de atendimento deste público. Foram entregues 2.320 cestas básicas, sendo 320 do programa ‘Alimento Solidário’, do governo de São Paulo, e 2 mil doadas por empresas locais e cidadãos à campanha “Sorocaba Solidária – Com Solidariedade #vaipassar”, do Fundo Social de Solidariedade. Desde o início da pandemia a Prefeitura de Sorocaba já entregou mais de 24 mil cestas básicas.

Nesta segunda-feira (1) foram montadas seis bases de operação e distribuição dos alimentos no Fundo Social; Parque São Bento; Jardim Ipiranga; Nova Esperança, Parque das Laranjeiras e Ana Paula Eleutério (Habiteto). Nesta terça-feira (2) serão mantidas as mesmas bases.

Desde o início da pandemia a Prefeitura de Sorocaba, através da Secretaria da Cidadania (Secid), manteve a assistência às famílias inscritas no Cadastro Único (CadÚnico), do Governo Federal. As primeiras pessoas a receber as cestas básicas foram as da linha de extrema pobreza e que têm renda per capita mensal de até R$ 89,00,  e da pobreza que recebem até R$ 178,00 por mês, por membro familiar.

As pessoas que estão na linha de extrema pobreza estão recebendo pela segunda vez a cesta básica. A primeira entrega foi realizada através de mutirão envolvendo todas as secretarias da Prefeitura, quando foram destinadas 7.881 cestas doadas. Antes da entrega baseada no CadÚnico a Secid já havia entregado 1.600 cestas.

Ao todo, 18.313 cestas básicas já foram doadas à campanha do Fundo Social. Dessas, 17.766 de pessoas jurídicas, 547 de pessoas físicas. Além disso, também foi possível a montagem de outras 320 cestas de higiene e limpeza. As entidades da sociedade civil também estão tendo um papel fundamental na distribuição de cestas, tendo entregues 4.511 cestas básicas.

O governo do estado de São Paulo, dentro do programa Alimento Solidário, enviou para Sorocaba 13.503 cestas básicas para a distribuição para à lista  do CadÚnico que estão na extrema pobreza, sendo que 7.658 pessoas já receberam os alimentos. Com isso, as famílias puderam ser atendidas duas vezes num prazo de cerca de um mês.

Em razão da solidariedade das pessoas e empresas, agora serão entregues  cestas básicas para mais 5.597 famílias do CadÚnico classificadas na linha da pobreza. Segundo o secretário da Cidadania, Paulo Henrique Soranz,  o trabalho na Secid não parou nos últimos dois meses, justamente, pela importância em se atender à população mais carente. “Precisamos agir o mais rápido possível, porque quem tem fome não pode esperar”, comentou acrescentando que neste trabalho de atenção ao cidadão carente, tanto o terceiro setor, quanto os servidores municipais, foram essenciais para um atendimento prestativo e rápido. “Nos unimos e conseguimos auxiliar a quem está sofrendo as consequências dessa pandemia, ao menos, minimizando a fome das pessoas”, concluiu.


Saiba mais