Agência Sorocaba de Notícias

SECOM

Parque da Biodiversidade ganha 50 árvores

7 de julho de 2020 16:10

Por: Mariana Campos - macampos@sorocaba.sp.gov.br


O Parque Natural Municipal de Corredores da Biodiversidade (PNMCBio) “Marco Flávio da Costa Chaves” ganhou nesta semana 50 exemplares arbóreos. Realizado pela Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria do Meio Ambiente e Sustentabilidade (Sema), o plantio de árvores na unidade de conservação contemplou exemplares de 11 espécies nativas, como cerejeira-do-mato, jequitibá-branco, ingá-do-brejo, além de duas espécies de palmeiras.

Com uma área de cerca de 60 hectares, o Parque da Biodiversidade está situado numa região de floresta estacional semidecidual, com uma vegetação predominantemente de Mata Atlântica, nascentes de água e cerca de 150 espécies de animais e 63 espécies arbóreas. Trata-se de uma unidade de proteção integral, na categoria Parque Municipal, definida pela Lei Federal nº 9.985/2000, que institui o Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza (Snuc).

De acordo com a Sema, na entrada do parque, por exemplo, foram plantadas mudas de cerca de 3 metros de altura de jequitibá-branco e castanheira. Já na área interna, ao redor do Centro de Visitantes foram plantadas mudas de palmeiras, além de cerejeira-do-mato, ingá-do-brejo, pau-ferro, pau-formiga, pitanga, ipê-amarelo, quaresmeira, sapucaia e oiti.

As árvores são as responsáveis por regular a temperatura, servem de abrigo e produzem alimentos para diversos seres vivos, absorvem ruídos, reduzem a circulação do vento, controlam a erosão do solo, renovam o oxigênio do ar e filtram as partículas sólidas em suspensão provenientes de agentes poluidores.

Para o plantio, a Seção de Arborização,Manejo e Recuperação Ambiental da Sema preparou toda a infraestrutura necessária, como a abertura dos berços, adubação, transporte das mudas, tutores e insumos.

O Parque da Biodiversidade tem como função principal proteger integralmente a fauna e a flora típicas da região, ampliando a proteção das Áreas de Proteção Permanente (APPs) dos afluentes do rio Sorocaba, onde não é permitida qualquer atividade ou intervenção. A unidade também propicia o desenvolvimento de pesquisas científicas em parceria com as universidades, ações de educação ambiental, ecoturismo e lazer, além de ampliar e proteger os corredores de biodiversidade e fragmentos de vegetação nativa na Zona Norte de Sorocaba, garantindo a conectividade e o fluxo gênico.

O PNMCBio está localizado na avenida Itavuvu, 11.500, próximo ao Parque Tecnológico de Sorocaba (PTS), e no momento não está aberto à visitação pública devido à pandemia da Covid-19. Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail parquedabio@sorocaba.sp.gov.br.



Saiba mais

Fotos

22 de setembro de 2020 17:22

21 de setembro de 2020 12:02