Agência Sorocaba de Notícias

SECOM

Parque das Águas ganha um colorido especial com o mural de grafite “Fruto da Mata”

14 de agosto de 2020 19:47

Por: Mariana Campos - macampos@sorocaba.sp.gov.br


Quem passou nesta semana pelo Parque das Águas, no Jardim Abaeté, pode conferir os artistas visuais Will Ferreira e Michel Japs grafitando a parede externa do banheiro público do espaço. A obra – intitulada “Fruto da Mata” – ganhou os últimos retoques de spray na manhã desta sexta-feira (14) e deu um colorido especial ao parque, que é um dos mais frequentados da cidade. O mural de grafite de 27 metros quadrados foi doado pela iniciativa privada, como uma homenagem ao aniversário de 366 anos de Sorocaba, e entregue no final da tarde desta sexta-feira com a presença do secretário do Meio Ambiente e Sustentabilidade (Sema), Maurício Tavares da Mota.

Idealizada pela Secretaria do Meio Ambiente, a ação teve como tema “A Sorocaba que queremos – Nossos parques, rios, fauna, flora e nossa gente”. “A ideia foi de presentear a cidade e a população com essa obra, além de valorizar a arte do grafite. O intuito principal dessa intervenção é inspirar as pessoas para refletirem sobre a cidade que queremos ter daqui para a frente, enfatizando a importância dos cuidados com a nossa cidade e a preservação do meio ambiente”, explica o secretário do Meio Ambiente. Essas intervenções urbanas revitalizam o espaço com a arte e mudam o cotidiano de quem passa pelo parque.

De acordo com Will Ferreira, a ideia da obra foi de representar a necessidade do ser humano se conectar com a natureza. “A personagem principal é uma mulher grávida, que vai gerar um fruto: o ‘fruto da mata’, que seria as boas novas vindo da mata”, conta Will Ferreira. A obra contem diversos elementos simbólicos, incluindo da biodiversidade de Sorocaba, como animais representando o Cerrado (lobo-guará e a siriema) e a Mata Atlântica (onça-pintada), biomas que fazem parte da cidade. A água representa a energia fluente e as casas representam a vida que se vai se desenrolando através do fruto da mata.

Para Michel Japs, a oportunidade de poder fazer mais uma obra em Sorocaba é muito gratificante e importante. “Nós começamos por um projeto da prefeitura e hoje em dia o grafite é nossa profissão. Nós trabalhamos com isso e somos gratos pela cidade por isso. Esse trabalho é uma retribuição. Ficamos muito felizes em fazer uma obra em nossa ‘casa’”, enfatiza o artista.

Will Ferreira e Michel Japs trabalham juntos há alguns anos no Fite Art. O trabalho dos artistas possui características originais e podem ser conferidos em diversos espaços da cidade, como na Praça da Biodiversidade, a fachada de um prédio localizado numa travessa da rua Hermelino Matarazzo, na avenida Barão de Tatuí, próximo à avenida Moreira César, entre outros. Para realizar essa ação, a Sema abriu edital de chamamento para pessoas físicas e jurídicas custearem a obra. Arcaram com os custos a empresa Faz Verde e a Matieli Éden Casa e Construção.


Saiba mais