Agência Sorocaba de Notícias

SECOM

Prefeitura inicia medidas para reforçar a segurança nas escolas

8 de janeiro de 2021 19:01

Por: Bruno Rodrigues


O prefeito Rodrigo Manga se reuniu, na manhã desta sexta-feira (8), com parte do secretariado para dar início às medidas de segurança e proteção nas escolas e demais próprios públicos de Sorocaba. O encontro, que estava marcado para a semana seguinte, foi antecipado com caráter emergencial para priorizar e intensificar a segurança na cidade.

Estamos mobilizando nossas secretarias para dar início à criação de um sistema de segurança inteligente. A implantação ocorrerá em duas etapas. Uma mais emergencial e outra, posteriormente”, disse o chefe do Poder Executivo. Num primeiro momento, a Prefeitura estuda a contratação de vigias nas unidades escolares apontadas com mais casos de ocorrências de furtos e vandalismo.

Paralelamente, o prefeito autorizou, também, o início da criação do Centro de Operações Integradas (COI), sistema que unificará as informações coletadas por videomonitoramento, que serão compartilhadas com todas as forças de segurança pública do município.

A Prefeitura investirá em equipamentos e sistemas analíticos, inteligentes e integrados, compostos de sensores perimetrais externos, sensores internos, softwares e câmeras em todos os próprios públicos de Sorocaba. “A integração ocorrerá por meio de fibra ótica subterrânea e aérea que será interligada entre os prédios públicos de Sorocaba”, pontua o secretário de Segurança Urbana, Cel. Gusmão.

O secretário da Educação, Marcio Carrara, explica porque as escolas serão as primeiras a ser estruturadas. “A educação será priorizada pela quantidade de próprios, que hoje são em torno de 175 unidades, além disso, nós já estamos estudando o plano de retomada das aulas presenciais”, destaca. “Compreendemos que precisamos coibir ações de vandalismo e furtos a fim de não de prejudicar a rotina escolar das nossas crianças”, completa o titular da pasta.

Participaram da reunião, também, os secretários de Administração, Fausto Bossolo, e de Governo, Amália Samyra Toledo.


Saiba mais