Agência Sorocaba de Notícias

SECOM

Secretaria do Meio Ambiente também atua na força-tarefa de combate à dengue

13 de fevereiro de 2020 10:57

Por: Mariana Campos - macampos@sorocaba.sp.gov.br


A Secretaria do Meio Ambiente e Sustentabilidade (Sema) também integra a força-tarefa de combate à dengue, que está sendo realizada nesta quinta-feira (13) na região do Jardim Simus, com o serviço de roçagem de áreas públicas e operação cata-treco. A ação da Prefeitura de Sorocaba teve início na terça-feira (11) e já foi realizada na região do Lopes de Oliveira e Vila Angélica, que são os locais com maior concentração de casos da doença na cidade.

Promovida pela Secretaria da Saúde (SES), a força-tarefa conta também com a parceria da Secretaria de Serviços Públicos e Obras (Serpo) e do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae), com a retirada de inservíveis e criadouros e a limpeza de córregos. O trabalho continua nesta sexta-feira (14), das 8h às 15h30, na região da Vila Hortência, percorrendo vias dos bairros Paes Almeida, Jardim São Bento, Vila Eufrásio, Jardim Perimetral, Bairro dos Morros, Vila Granada e Vila Hortência III.

Para a roçagem, a Secretaria do Meio Ambiente disponibilizou uma equipe da Divisão de Manutenção e Paisagismo e Arborização para acompanhar o trabalho liderado pelos funcionários da Secretaria da Saúde.

Na operação cata-treco, são recolhidos sofás quebrados, eletrodomésticos velhos que não funcionam mais, como geladeira, fogão, TV, ventilador e micro-ondas, além de tanques de lavar roupas, guarda-roupas, camas quebradas, pneus, latas e até vasos sanitários quebrados. A orientação é a de que os cidadãos deixem esses itens em frente de suas casas antes das 8h, horário de início da programação, para que possam ser recolhidos. Em apenas dois dias, a operação cata-treco removeu 12 toneladas de criadouros da dengue.

De acordo com a SES, até o momento, Sorocaba registrou 190 casos confirmados de dengue (140 autóctones, 47 importados e 3 indeterminados), 5 de chikungunya (3 autóctones e 2 importados). Não há casos de febre amarela e zika.


Saiba mais

Fotos

22 de setembro de 2020 17:22

21 de setembro de 2020 12:02