Agência Sorocaba de Notícias

SECOM

Teatro de fantoche é uma das estratégias lúdicas da Secretaria do Meio Ambiente para tratar das queimadas

8 de julho de 2020 11:46

Por: Mariana Campos - macampos@sorocaba.sp.gov.br


A Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria do Meio Ambiente e Sustentabilidade (Sema), preparou o teatro de fantoche “Queimada não é brincadeira!”, que conta com três episódios para tratar de uma forma lúdica sobre o problema das queimadas com as crianças. Todos os episódios em vídeo já foram divulgados nas redes sociais da Sema (Facebook e Instagram) e também estão disponíveis no Youtube da Prefeitura de Sorocaba.

A atividade foi elaborada pela equipe de Educação Ambiental do Parque da Biquinha e faz parte da Campanha de Prevenção e Combate às Queimadas 2020, que visa sensibilizar a população sobre os riscos à saúde pública e ao meio ambiente causados pelas queimadas e reduzir o número de ocorrências no município. Neste ano, o alerta é ainda maior em razão da pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Os três episódios do teatro de fantoche são: “Fique em casa como a Gigi” (https://youtu.be/jCmyFqgC-5Q), “Aprenda com o Bombeiro José!” (https://youtu.be/oz4CLycF3OU) e “Ajude a Nina a cuidar da casa dela!” (https://youtu.be/WmZhgzhsrl0), este último divulgado nesta quarta-feira (8). No terceiro episódio, a educadora ambiental Cristiane Crispim bate-papo com a Nina, uma ave que já sofreu com as queimadas na mata onde mora, inclusive perdendo seus filhotes. Elas também falam o quanto a fumaça faz mal para os seres humanos, principalmente agora com a pandemia da Covid-19. Ao final, a nossa educadora ensina o que cada um pode fazer ao avistar uma queimada na cidade.

Os riscos das queimadas

A fumaça e a fuligem lançadas na atmosfera podem provocar doenças respiratórias graves nas pessoas, comprometendo, principalmente crianças e adultos que sofrem de asma e de bronquite, o que acarreta aumento da procura por atendimento em unidades de saúde. “Os problemas gerados pelas queimadas podem potencializar os efeitos da Covid-19, não apenas pelo aumento da procura por atendimento de saúde, mas também por agravar o estado de pessoas do grupo de risco da Covid-19 ou ainda de quem esteja contaminado pelo novo coronavírus”, explica o secretário do Meio Ambiente, Maurício Tavares da Mota.

Além da questão de saúde pública, as queimadas causam graves danos ao meio ambiente, dizimando a fauna e a flora típica do local. Outro risco a saúde está na queima de lixo, especialmente materiais plásticos, lançando compostos tóxicos na atmosfera que podem provocar severas irritações às vias respiratórias, quando inalados. Além disso, a queima de qualquer material combustível produz o gás carbônico, principal responsável pelas alterações climáticas perceptíveis atualmente.

Outras estratégias educativas

Outra estratégia de Educação Ambiental é o projeto “Sema vai à sua Casa”, que conta com atividades on-line para pais e filhos que podem ser conferidas no site da Sema: http://meioambiente.sorocaba.sp.gov.br/sema-vai-a-sua-casa/. As queimadas já foram temas de dois conteúdos. A ideia é que outros volumes sobre a temática sejam divulgados durante todo o período da campanha.

Além disso, faixas foram instaladas em vários pontos de Sorocaba, como avenida Itavuvu, avenida Ipanema, avenida General Carneiro, avenida Adão Pereira de Camargo, UBS Habiteto, Parque da Biquinha, entre outros; e ônibus do transporte coletivo circulam pelas vias de toda a cidade com um busdoor sobre o tema. Quatro spots foram disponibilizados às rádios da cidade e podem ser baixados no site da Sema: http://meioambiente.sorocaba.sp.gov.br/educacaoambiental/campanha-de-conscientizacao-contra-queimada/.

O que fazer ao avistar uma queimada

Ao presenciar uma queimada, o cidadão deve ligar no telefone 193 (Corpo de Bombeiros) para o combate ao fogo. Já denúncias devem ser feitas pelo telefone 156 (Prefeitura de Sorocaba), pelo WhatsApp (15) 99129-2426 ou pelo site: http://www.sorocaba.sp.gov.br/atendimento/. Queimada é crime e a multa pode ultrapassar R$ 3 mil, conforme a lei municipal nº 10.151, de 27 de junho de 2012.

As pessoas também podem contribuir não ateando fogo em mato, lixos e folhas; descartando corretamente lixo, entulhos de construção, restos de poda e folhas secas; não jogando bituca de cigarro nas vias públicas; e orientando parentes, amigos e vizinhos sobre os problemas da queimada. Além disso, é muito importante que os terrenos sejam mantidos limpos pelos proprietários. Mais informações podem se obtidas no site: http://meioambiente.sorocaba.sp.gov.br/educacaoambiental/campanha-de-conscientizacao-contra-queimada/.


Saiba mais