Agência Sorocaba de Notícias

SECOM

Teve festa animada no cachorródromo do Parque das Águas

23 de fevereiro de 2020 13:02

Por: Tânia Franco - tmferreira@sorocaba.sp.gov.br


Eliane e Amora foram conhecer o espaço destinado aos peludinhos


Apesar de o espaço ser destinado aos peludos, que correram e brincaram por todo lado, tutores e pessoas que circularam pelo local dançaram e cantaram ao som de banda musical.

Se o cachorródromo do Parque das Águas já conta com seu público peludinho cativo, principalmente aos finais de semana, na manhã deste domingo (23) o espaço recebeu novos visitantes de quatro patas que, junto aos seus tutores, curtiram o local sombreado ao som da banda O Fantástico Conjunto dos Corações Desimpedidos do Baixo Centro.

Foi a primeira edição do Pet Folia, um evento realizado pela Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria da Cultura, e que integrou o Carnaval 2020 de Sorocaba. Até a terça-feira (25), os sorocabanos ainda têm várias atrações à disposição. E de graça. Confira a programação no site noticias.sorocaba.sp.gov.br

Frequentadoras do espaço, Isabela Fernanda Santos e Paloma Martinelli levaram suas Lolas para a brincadeira no parque. A pinscher de Fernanda usou uma fantasia de hot-dog, enquanto a outra Lola fez par com a tutora, ao estilo super-heroínas. “O lugar é ideal para que ela se socialize e gaste um pouco de energia”, comentou Paloma já indicando que sua cachorra de apenas dez meses tem se saído muito bem no quesito interação com outros animais.

E como todo bom pinscher que se preza, Lola invocou com uma versão peluda parecida com ela, mas com umas 20 vezes mais o seu tamanho. Claro que o grandão nem ligou, até porque quando se virava para ela, a pequena corria na direção contrária, arrancando gargalhadas de quem assistia à demonstração pública de valentia.

Tal mãe, tal filha. Assim Eliane Bezerra da Silva, de Sumaré, definiu a fantasia adereçada que resolveu levar para a passarela do cachorródromo. Em visita à cunhada que reside na cidade, ela fez o filho e a nora acordarem mais cedo neste domingo para acompanhar a ela e Amora, uma poodle pequenina, na festa pra cachorrada. “Eu entrei na internet para procurar o que tinha de carnaval na cidade e achei o Pet Folia. Na hora já avisei, é lá que nós vamos”, contou dizendo que gostou muito não só do espaço da turminha patinhas, mas do parque de um modo geral.

E para quem pensa que carnaval não pode ser também uma ação de conscientização e de paixão, alguns dos cachorros que estavam no parque foram levados por seus cuidadores; pessoas que oferecem suas casas como lares temporários até que possam ser adotados.
July e Panda eram duas dessas fofuras em forma de cão que levaram sua alegria para a festa, também, na expectativa de conseguir um lar definitivo. Ao longo do evento, a coordenação do Pet Folia anunciava os animais ali à disposição para adoção.

Para o secretário da Cultura, Marcel Stefano Tavares Marques da Silva, o resultado do Pet Folia é muito positivo. Com a ajuda do sol que apareceu forte e fez com que as pessoas saíssem de casa, a atividade cumpriu com seu papel de oferecer espaço de celebração a este nicho da população, que ama seus bichos e faz questão de estar com eles em todos os lugares. “Nós pensamos eventos pro carnaval que pudessem proporcionar diferentes festejos, para diferentes públicos. E, para quem quer estar com seus pets, participar de algumas atividades de rua, por exemplo, fica mais difícil”, acentuou.

Segundo ele, a ideia é promover novos eventos como este, que tem baixo custo e é muito bem aproveitado por famílias inteiras. Além disso, atividades que mostrem o carinho e cuidados com os animais, potencializam questões da responsabilidade com animais de estimação e sobre a posse responsável. “Tudo o que pudermos fazer neste sentido, e dispondo de orçamento para isso, vamos buscar viabilizar”, contou.


Saiba mais

Fotos

1 de outubro de 2020 12:11

22 de setembro de 2020 17:22

21 de setembro de 2020 12:02