Agência Sorocaba de Notícias

SECOM

Voluntários plantaram 45 árvores do Cerrado no Jardim Botânico

13 de março de 2020 17:14

Por: Mariana Campos - macampos@sorocaba.sp.gov.br


Um grupo de voluntários realizou nesta sexta-feira (13) o plantio de 45 árvores nativas do Cerrado no Jardim Botânico “Irmãos Villas-Bôas”, como cerejeira, cabreúva, guaianã, tarumarana, entre outras. A iniciativa foi realizada através de uma parceria internacional da Faz Verde, com a ONG americana Arbor Day Foundation e Metlife Foundation e a Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria do Meio Ambiente e Sustentabilidade (Sema).

A Faz Verde é membro da ISA – Internacional Society of Arboriculture e, em 2019, ganhou um prêmio internacional da ONG Arbor Day Foundation, que busca organizações responsáveis para o plantio e a manutenção de árvores dentro e fora dos EUA. Na ocasião, foram plantadas 45 exemplares arbóreos no Parque dos Espanhóis. Em 2020, a empresa ganhou novamente o prêmio e a Sema indicou o Jardim Botânico para ganhar as árvores. O espaço ecológico possui uma área de aproximadamente 70 mil metros quadrados, com vegetação de transição de Cerrado e Mata Atlântica.

Antes da ação ambiental, o biólogo Cristians E. G. Leite e o engenheiro agrônomo Clebson Ribeiro, ambos da Secretaria do Meio Ambiente, apresentaram o Jardim Botânico aos voluntários. O representante da Faz Verde, o biólogo Felipe Pedrazzi, também falou sobre o plantio das árvores. Outra ação foi a construção de uma caixa de compostagem para o Jardim Botânico.

Os voluntários plantaram mudas de cerca de três metros de altura no mirante interno do Jardim Botânico. Já a área de Cerrado da unidade ganhou exemplares de 1,5 a 2 metros de altura.

Administrado pela Sema, o Jardim Botânico tem como principal objetivo proteger e preservar as espécies locais e regionais da flora, além de ser destinado ao lazer, às pesquisas acadêmicas e à educação ambiental.

A unidade está localizada na rua Miguel Montoro Lozano, 340, no Jardim Dois Corações, e funciona de terça a domingo, das 9h às 17h. A entrada é gratuita. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (15) 3235.1130.


Saiba mais