Agência Sorocaba de Notícias

SECOM

Após conclusão da colocação de vigas, viaduto da JJ Lacerda inicia nova fase com construção de laje

21 de dezembro de 2020 15:24

Por: Secom


Foi concluído na madrugada de sábado (19/12) o içamento e instalação das 30 vigas que compõem o novo viaduto da avenida José Joaquim de Lacerda, na Zona Norte. As obras prosseguirão nesta semana com o início da construção das lajes sobre a estrutura, etapa que será realizada até quarta-feira (23), quando a obra entrará em recesso de final de ano.

Ao todo foram içadas 30 vigas, sendo 24 de 30 metros de comprimento e outras seis de 15 metros. A etapa foi concluída durante a madrugada, quando as obras são intensificadas graças à redução do fluxo de veículos. Agora pré-lajes estão sendo colocadas sobre as vigas para que no próximo estágio seja feito o trabalho de concretagem e da construção da laje propriamente dita.

As obras do viaduto entrarão em recesso na quarta e serão retomadas em 4 de janeiro. No retorno, além da conclusão do lajeamento, serão iniciados os aterros armados, que consiste na construção das rampas no início e fim do viaduto para a união das vias públicas com a estrutura suspensa, tanto na avenida J.J. Lacerda, quanto na avenida Ipanema. A conclusão do viaduto está prevista para março de 2021.

Sobre o novo viaduto da Av. J.J. Lacerda

A implantação do viaduto, projetado para proporcionar a ligação direta entre as avenidas Ipanema e J.J. Lacerda vai reduzir em até 60% o volume de veículos na interseção, que hoje é disciplinado por semáforos. Com o viaduto pronto haverá maior fluidez do trânsito naquela região.

A obra do viaduto JJ Lacerda/Avenida Ipanema faz parte do complexo viário Franco Montoro, que faz rede com o eixo Norte/Sul do sistema BRT Sorocaba, uma região que registra a circulação de mais de 80% das linhas do transporte coletivo da cidade. Por ali passam mais de 2,8 mil veículos por hora. Está orçada em mais de R$ 10 milhões, com financiamento do Banco de Desenvolvimento da América Latina — anteriormente, Corporação Andina de Fomento (CAF). A previsão de término é março de 2021.

 


Saiba mais