Agência Sorocaba de Notícias

SECOM

Prefeitura de Sorocaba recebe sugestões on-line da população para a LDO 2022

19 de abril de 2021 12:05

Por: Eduardo Santinon (esantinon@sorocaba.sp.gov.br)


 

 

A Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria da Fazenda (Sefaz), abriu, nesta segunda-feira (19/04), o prazo para recebimento de sugestões da população sobre projetos, obras e serviços a serem incluídos no orçamento municipal. Todo munícipe pode participar, apontando o que pretende que seja melhorado no seu bairro ou, em geral, na sua cidade.

Com essa iniciativa, a Prefeitura de Sorocaba incentiva a participação popular durante o processo de elaboração da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO 2022), em cumprimento ao artigo 48 da Lei de Responsabilidade Fiscal. A LDO é elaborada anualmente e estabelece as metas e prioridades para a Lei Orçamentária Anual (LOA).

Devido à pandemia da Covid-19, respeitando o distanciamento social e todas as legislações sanitárias, neste ano, foi adotado somente o modelo virtual para a participação popular. O formulário de adesão ficará disponível até dia 29 de abril, no portal da Prefeitura (www.sorocaba.sp.gov.br). Basta clicar no banner indicativo e preencher o formulário, que também pode ser acessado pelo link direto: https://forms.gle/VJGYAkLQZMBjRVcM9.

O cidadão deve digitar seu nome, telefone e e-mail. Na sequência, terá a opção de manifestar suas prioridades nas seguintes áreas de atuação: Cultura, Esporte e Meio Ambiente, Desenvolvimento Urbano, Saúde, Educação, Defesa de Direitos e Modernização e Transparência, informando de 1 a 5 os níveis da demanda, sendo 1 a menos prioritária e 5 a mais prioritária. Por último, o munícipe digita as suas sugestões/propostas e encaminha a sua solicitação.

O secretário da Fazenda, Marcelo Regalado, destaca que a ação busca consolidar a participação popular nas decisões do Poder Público. “A Administração Municipal, atendendo às reivindicações da população, pode otimizar a priorização das necessidades coletivas, de acordo com a realidade do munícipe e da sua comunidade, região e bairro”, destaca.


Saiba mais