Agência Sorocaba de Notícias

SECOM

Sorocaba sediará jogos da Superliga C de vôlei feminino

14 de outubro de 2021 11:26

Por: Mariana Campos



Equipe de vôlei feminino da cidade disputará o campeonato, que equivale à terceira divisão do vôlei nacional


Sorocaba será uma das cidades-sede da Região Sudeste para a disputa dos jogos da Superliga C de vôlei feminino, realizada de 26 de outubro a 4 de novembro, pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV). Sete equipes dos Estados de São Paulo e do Paraná disputarão as partidas no ginásio do Sesi Mangal, incluindo as atletas do PM Sorocaba, a recém-formada equipe de vôlei feminino da cidade.


“Estamos muito felizes com a notícia que Sorocaba será sede de uma competição tão importante do calendário nacional da modalidade, depois de 24 anos. Estamos reestruturando o vôlei da nossa cidade e a expectativa é que a nossa equipe tenha um ótimo desempenho e consiga vaga para a disputa da Série B, no próximo ano”, destaca o secretário de Esportes e Lazer (Semes), Pedro de Souza. As quatro melhores equipes classificadas na competição nacional garantem vaga na Superliga B, em 2022.


Todos os jogos serão sediados no ginásio do Sesi Mangal, com a presença de 30% da capacidade para os torcedores, que deverão seguir todos os protocolos sanitários, com as duas vacinas contra a Covid-19 tomadas ou apresentação do teste PCR.


O grupo de Sorocaba será formado pelas seguintes equipes: PM Sorocaba, AGEE – São Carlos, América São José do Rio Preto, Vôlei Louveira, Vôlei Marechal, Prefeitura de Foz do Iguaçu e Irati Vôlei.


O time PM Sorocaba faz parte do projeto Renasce Voleibol Sorocaba, uma iniciativa da Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria de Esportes e Lazer, em parceria com o Sesi Sorocaba e com patrocínio da Padaria Real, Colégio Politécnico e Aurora Eadi.


A equipe está sob o comando do técnico Clóvis Granado e é formada pelas jogadoras: Bia, Isabela Gennari, Maria Fernanda, Ana Lúcia, Kenia, Giovanna, Ana Luísa, Fernanda, Isabela Cristina, Lariany, Manoela, Maria Eduarda, Marianna, Thainara e Yasmin.


Mais informações sobre a Superliga C de vôlei feminino podem sem obtidas no site da CBV: https://cbv.com.br/.


Saiba mais